Nota divulgada no Instagram da Band Bahia sobre óleo na Praia do Forte é equivocada

Foto publicada ontem (10) sobre suposto óleo na Praia do Lorde é de outro local. Litoral de Mata de São João não recebe manchas há quase um mês

 A Prefeitura de Mata de São João informa que uma informação equivocada sobre aparição de óleo na Praia do Forte, divulgada ontem (10), no Instagram da Band Bahia e Band Nacional (e replicada em diversos sites e rádios), indignou moradores, poder público e comunidade empresarial da Praia do Forte.

Na publicação constava uma foto de um local que nem fica no Litoral de Mata de São João e parece ser antiga, com uma grande mancha de óleo em um recife. No texto, a afirmação de que “A Praia do Forte, um dos principais pontos turísticos do Litoral Norte, voltou a registrar pequenos fragmentos de óleo”. O texto diz ainda que, “banhistas encontraram as manchas na Praia do Lorde”.

As praias do Litoral de Mata de São João não recebem manchas de óleo a quase um mês. Em alguns pontos do litoral, apenas minúsculas pelotas apareceram esporadicamente em locais pontuais, mas que rapidamente são retiradas pela Prefeitura ou por funcionários de hotéis e condomínios.

Indignado com a falsa notícia, o empresário João Sol respondeu ao post, dizendo que passou o dia de ontem na Praia do Lorde e não viu nenhum fragmento de óleo. “Moro aqui em Praia do Forte e estou à disposição, para receber a equipe de reportagem e acompanhar no local, para ver a veracidade das informações”, respondeu João Sol, que é proprietário de uma pousada na Praia do Forte.

O secretário de Cultura e Turismo de Mata de São João, Ricardo Matense, também de se manifestou sobre o equívoco. “Em uma era em que as informações são propagadas com tanta força e rapidez, uma notícia negativa tem uma dimensão mais absurda ainda”, diz.

“Deu pra perceber que foi uma informação enviada por leitor. Mas mesmo assim, esperava mais responsabilidade na apuração e na divulgação da mesma. Estamos falando de um pólo turístico com cerca de 10 mil empregos, que pode ter suas atividades prejudicadas por este tipo de informação”, reclama o secretário.

Inema comprova praias limpas – Um boletim divulgado na última sexta-feira (8) (http://www.inema.ba.gov.br/2019/11/veja-a-balneabilidade-das-praias-para-o-final-de-semana/) comprova definitivamente que as praias do Litoral de Mata de São João não sofreram nenhum tipo de dano com o óleo. As atividades turísticas e de pescas ocorrem normalmente no município desde o início do acidente ambiental.

De acordo com o órgão estadual, em nenhuma praia do Litoral Norte baiano e de Salvador, foram encontradas presenças de hidrocarboneto, policíclico e aromático e  (HPA) e Benzeno, Tolueno ou Etilbenzeno e xileno (BTEX), substâncias derivadas do petróleo.

O Projeto Tamar divulgou, na semana passada, o resultado de uma análise realizada nos estômagos de 61 peixes, de 18 espécies e de diferentes profundidades. O estudo também não detectou presença de óleo em nenhum dos animais.

Fonte: ASCOM Mata de São João

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Catu Acontece - A Sua Revista Eletronica
2017 - 2019