Prefeitura realiza ações para o Dezembro Vermelho

                                                     Mês alerta para a prevenção ao vírus HIV e demais DST

A Secretaria Municipal de Saúde dará início às ações da campanha Dezembro Vermelho, que é realizada em todo o País anualmente e tem como foco a prevenção, assistência e promoção dos direitos humanos das pessoas que vivem com o HIV/Aids. Em Catu, a programação – direcionada à população em geral e grupos prioritários (homossexuais, profissionais do sexo, usuários de álcool e outras drogas) – se estenderá durante o mês de dezembro, com ações educativas, lúdicas e culturais voltadas à prevenção do HIV/Aids e demais doenças sexualmente transmissíveis.

 

Prefeito Geranilson Requião( Gera)

“Teremos uma série de ações para intensificar a mobilização, buscando conscientizar e sensibilizar todos para a realização da testagem rápida, que possibilita o diagnóstico e o tratamento adequado”, comenta o Prefeito Gera Requião. Nos dias de 04, 05 e 06 de dezembro das 08 às 16h no Centro Administrativo poderão ser realizados Testes Rápidos de HIV, Sífilis, Hepatite B e C, e os resultados saem em dez minutos. Os pacientes devem comparecer com um documento com foto e cartão do SUS, menores de idade devem estar acompanhados por um responsável.  Será possível também realizar a confecção do cartão do SUS e atualização do cartão vacinal.

As Unidades de Saúde do Município também estarão engajadas na campanha durante todo este período, reforçando as ações educativas e orientações. Serão realizadas palestras com os seguintes temas: prevenção da Sífilis; DST/ AIDS, Prevenção de Hepatites Virais; como utilizar preservativo masculino e feminino.

Secretário de Saúde Nadilson Esteves/ Foto: Catu Acontece

“A campanha tem o intuito de chamar a atenção da população, para os cuidados que se deve ter para não contrair nenhum tipo de doenças sexualmente transmissíveis”. Além do combate e diagnóstico precoce, as ações também tem o objetivo de lutar contra o preconceito existente: “O preconceito mata, por isso, queremos conscientização para que a indiferença não seja algo presente na vida das pessoas”. Salientou o Secretário de Saúde Nadilson Esteves.

 

 

 

 

 

 

Fonte: PMC

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Catu Acontece - A Sua Revista Eletronica
2017 - 2019