‘Se depender de mim, voltará em 2020’, diz Neto sobre retorno às aulas

Apesar disso, prefeito afirma que ainda não há data definida.

O prefeito ACM Neto voltou a repetir nesta quinta-feira (17) que a volta às aulas segue sem data definida – mas, para ele, o retorno deve acontecer ainda este ano, mesmo que parcialmente.

“Tenho sim a expectativa de que a educação volte ainda esse ano”, disse. “Se depender de mim voltará, sim, em 2020”, afirmou ainda, citando mais uma vez que não deve ser uma volta geral. “Aos poucos, com regras bem rígidas e levando em consideração o que traz mais ou menos riscos”, disse. “Não sei se educação infantil volta esse ano. A educação volta, mas a infantil não sei”, disse, em coletiva durante inauguração de nova unidade do Prato Amigo.

Ele reforçou que a decisão ainda não foi tomada e a discussão de protocolos continua. “Quando voltar, deve começar pelos jovens, pelos estudantes mais maduros, que vão conseguir respeitar e cumprir os protocolos com menos riscos. Tudo isso está sendo discutido e não dá pra falar em prazo”.

O prefeito falou também que determinou que a Secretaria de Mobilidade (Semob) assuma a responsabilidade pelos elevadores das passarelas, após impasse sobre se a atribuição seria do governo ou da prefeitura. “Nunca fui de transferir responsabilidade para ninguém, pelo contrário, fui de assumir responsabilidade dos outros. Hoje conversei com secretário Fabio Mota, não quero polêmica, não tem sentido, o que importa é o cidadão. Independente da conversa com MP e de saber de quem é a responsabilidade e de nunca ter havido um plano de operação, determinei que a Semob assuma os equipamentos e coloque para funcionar”, afirmou. “Deve ser feita a limpeza, reparo no equipamento, para que possa funcionar, contratação de pessoal e a partir daí a prefeitura vai fazer. Mas que fique claro que em nenhum momento houve qualquer acordo transferindo esses equipamentos para a prefeitura”, disse.

Outro tema comentado por Neto foi a reabertura das praias, que deve ter novidades anunciadas amanhã. “Vamos ter, provavelmente, novidades importantes amanhã. Pessoas que estão nessa angústia, ansiedade, em relação por exemplo à reabertura das praias vão ver que as coisas vão começar a acontecer. Talvez não como todo mundo deseje, porque a gente desejaria o ‘liberou geral’, mas não vai poder. Vai ser dado mais um passo na direção dessas flexibilizações, como temos feito toda semana, com cuidado, consistência, e não por conta de pressões”, disse.

Fonte; Correio da Bahia

Foto: Assim PMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Catu Acontece - A Sua Revista Eletronica
2017 - 2019