Com 100% de ocupação em UTIs Covid, Camaçari já vive colapso, diz secretário

A cidade de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), já vive um colapso no sistema de saúde por conta do aumento do número de casos da Covid-19. Com falta de leitos e sem pontos de oxigênio, cilindros estão tendo que ser utilizados para atender a demanda. De acordo com o secretário de saúde do município, nesta segunda-feira (22), 41 pacientes aguardam pela regulação. 

O município já registrou 11.336 casos da doença desde o início da pandemia. Deste total, 168 óbitos foram registrados e 1.658 pessoas permanecem doentes de acordo com o último boletim emitido neste domingo (21). 

Para o secretário de saúde Elias Natan, a cidade vive o pior momento da pandemia, mesmo quando comparado a julho de 2020, quando o pico de contaminações foi registrado. “Estamos tendo um número significativo de casos novos desde a semana passada. Chegamos a ter em apensa um dia a confirmação de 300 casos novos através das testagem que temos realizado. Isso é muito preocupante já que os sistemas de saúde e as unidades estão acima da sua capacidade de internamento e atendimento”, disse.

Ainda de acordo com o secretário, todos os dez leitos de tratamento intensivo (UTI) credenciados pelo município destinados à Covid-19, estão ocupados. “Isso fez com que nós abríssemos unidades de saúde no sábado e no domingo para atender pacientes sintomáticos ou não na perspectiva de diminuir o fluxo de pessoas nas Upas [Unidades de Pronto Atendimento], que não estavam mais suportando. É um quadro preocupante de colapso do sistema em virtude da quantidade de pessoas que tem procurado as unidades e casos que estão aguardando regulação”, pontuou. 

A falta de leitos pode ser observada na quantidade de pessoas aguardando regulação. O secretário revela que nesta segunda-feira (22), no município, 22 pacientes aguardam por um leito, e outros 19 por um leito de UTI.  “São pacientes que estão nas nossas UPAs e PAs e que precisam de internamento. Desses 41 que aguardam regulação, 19 são para Uti. É uma quadro extremamente preocupante.  Os pontos de oxigênio já estão todos utilizados. Estamos tendo que recorrer aos cilindros de oxigênio  para colocar ao lado do paciente para ele utilizar, esse é o quadro”, finalizou.  

De acordo com a secretaria municipal de saúde de Camaçari, até a próxima quinta-feira (25), outros cinco leitos de UTI-Covid devem ser abertos no município. 

Fonte: Bahia Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Catu Acontece - A Sua Revista Eletronica
2017 - 2019